Anitta rebate críticas após ser acusada de apropriação cultural

Anitta fez um desabafo nas redes sociais após ver seu nome envolvido em uma nova polêmica, na última quarta-feira (10). Desta vez, a famosa foi acusada de apropriação cultural.

“Vocês nunca estão satisfeitos”, disparou a artista.

Isso porque a carioca apareceu com o cabelo cacheado no videoclipe de “Muito Calor”, em parceria com Ozuna. “Só enrola o cabelo quando sobre o morro”, “está fingindo que é negra” e “oportunista” foram alguns dos comentários feitos pelos internautas.

Para contrariá-los, a beldade fez questão de mostrar fotos antigas em que aparece com o cabelo natural. “Quando eu era criança meu cabelo era mais enrolado que esse do vídeo. Eu que meti produto na adolescência e ele mudou para sempre”, afirmou, segundo o MSN.

Já sobre as questões de “usar a comunidade para se promover”, Anitta também foi categórica. “O único videoclipe meu gravado em uma favela se chama ‘Vai Malandra’. Os demais são clipes onde eu fui convidada”, justificou.

11/07/2019

(Visited 3 times, 1 visits today)